Skip to main content
January 17, 2023

Chamada 2023 para Jovens Criadores e Agentes de Mudança Indígenas

 

 

Prazo de inscrição: 1º de março de 2023.

A Cultural Survival tem o prazer de anunciar Convocatória de Bolsas para Jovens Indígenas com a proposta de apoiar indivíduos ou grupos de jovens indígenas comunicadores, ativistas e artistas a desenvolverem suas capacidades, formações, pesquisas, produções e criações visando o fortalecimento de suas identidades culturais e lideranças.

As bolsas serão concedidas a jovens dos seguintes países: México (prioridade na Península de Yucatán), Belize, Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica, Panamá, Colômbia, Equador, Suriname, Guiana, Peru, Bolívia, Brasil (prioridade na Bacia Amazônica), Chile, Argentina, Paraguai, Uruguai, Namíbia, Botsuana, Nigéria, Tanzânia, Quênia, África do Sul, Nepal e Índia. (Daremos prioridade a projetos voltados para a revitalização e preservação das línguas indígenas com participação de gêneros sub-representados*).

* Gêneros sub-representados: mulheres cis, mulheres trans, homens trans, dois-espíritos, pessoas não binárias e aqueles que são marginalizados por seu gênero.

Acreditamos que ouvir e responder às necessidades autodeterminadas pelas comunidades indígenas é fundamental para fornecer apoio que seja sustentável e, o mais importante, relevante para as comunidades. O desenvolvimento das lideranças juvenis é um elemento essencial para a garantia do bem-estar das comunidades e os jovens indígenas são o futuro desse bem-estar.

Este ano nosso programa de bolsas oferecerá apoio para indivíduos ou grupos de jovens indígenas com conceitos artísticos multidisciplinares com idade entre 17 e 28 anos. As bolsas terão o máximo de $2.500,00 (dólares americanos) por bolsista ou grupos a implementação do projeto terá período de execução de 6 meses (maio a setembro de 2023). Os candidatos devem ser capazes de trabalhar de forma independente e serem responsáveis pela implementação do projeto. Os bolsistas trabalharão junto com a equipe da Cultural Survival e um mentor local (uma pessoa que voluntariamente pode aconselhar, reforçar e dar retornos de forma a garantir que os objetivos propostos pelo projeto sejam atingidos) durante todo o processo de bolsa.

Serão aceitas propostas voltadas para os seguintes temas:

  • Terras e meios de subsistência sustentáveis
  • Defesa da terra e dos territórios
  • Preservação e revitalização das línguas indígenas
  • Soluções para a mudança climática
  • Resgate da cosmogonia e da ancestralidade
  • Empoderamento e liderança de mulheres, jovens e gêneros sub-representados
  • Mídias comunitárias indígenas
  • Resgate e proteção da medicina tradicional
  • Igualdade e justiça de gênero

Áreas de trabalho criativo com foco comunitário:

  • Reforço de capacidades e de gestão de ferramentas técnicas e/ou digitais.
  • Vídeos curtos de animação sobre a tradição oral indígena.
  • Ilustrações gráficas de alto impacto.
  • Software gratuito que facilite a edição e a criação de conteúdo informativo.
  • Narrativas comunitárias (escrita criativa, histórias, lendas, poesia e jornalismo).
  • Arte (muralismo, fotografia, pintura/tecelagem/cerâmica tradicional).
  • Mídias comunitárias (rádio, audiovisual e plataformas digitais).
  • Artes performativas (dança, teatro, marionetes).
  • Música e canções tradicionais.
  • Pesquisa cultural 

Quem é elegível? 

  • Jovens indígenas com idades entre 17 e 28 anos
  • Com acesso à internet e outras formas de comunicação virtual.
  • Que tenham compromisso de colaborar com a Cultural Survival.
  • Preferencialmente fluentes em língua indígena ou interessados em aprendê-la.
  • Iniciativa mensurável e executável no prazo estipulado.
  • Os candidatos devem residir no México, Belize, Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica, Panamá, Colômbia, Equador, Suriname, Guiana, Peru, Bolívia, Brasil (Bacia Amazônica), Chile, Argentina, Paraguai, Uruguai, Namíbia , Botsuana, Nigéria, Tanzânia, Quênia, África do Sul, Nepal e Índia.
  • Não ser um jovem ex-bolsista da Cultural Survival.

Como se candidatar? 

As apresentações conceituais podem ser enviadas nos seguintes formatos: escritas (máximo 2 páginas), áudio ou vídeo (máximo 5 minutos), respondendo às seguintes perguntas:

  1. Nome completo
  2. Idade
  3. Pronome de gênero
  4. Povo indígena/Nação/Etnia/Afiliação tribal
  5. Comunidade e país de residência
  6. Contato (Email, WhatsApp/telegram/número do sinal)
  7. Breve descrição do seu projeto (objetivos, atividades e resultados esperados)

Se sua solicitação for em grupo, inclua informações de todos os membros. Aceitamos inscrições nos seguintes idiomas: espanhol, inglês, português, nepalês, Sunuwar, Hindi, K'iche' Maya, Kaqchikel, Poqomam, Didxazá, (Isthmus Zapotec), Ayuujk, africâner e francês.

Responda às questões indicadas acima e envie a inscrição ao adriana.hernandez@cs.org. Se a proposta for selecionada, o coordenador entrará em contato com o candidato para solicitar o envio de uma proposta descritiva completa e de um orçamento. O período de seleção dura 3 meses. O prazo para inscrição é 1 de março de 2023.
 

Baixar pacote de informações

Convocatoria PT